Quarta-feira, 01 de Abril de 2020

BRASIL
Quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2020, 17h:29

Cabo Almi

Cabo Almi diz que Cid Gomes errou ao agir com retroescavadeira em manifesto

O senador, irmão de Ciro Gomes, levou um tiro ao tentar furar bloqueio de manifestantes

Topmidianews

O deputado estadual Cabo Almi (PT) afirmou que parlamentares - e qualquer ser humano - não devem praticar atos que permitam violência, ao se referir à tentativa do senador Cid Gomes (PDT/CE) de furar bloqueio de policiais militares grevistas com uma retroescavadeira. Ele levou um tiro durante a tentativa, na cidade de Sobral, estado do Ceará.

“Não devemos legislar se aparecendo, ou fazendo ato de heroísmo. O sistema brasileiro não permite isso, e eu acho que o senador foi infeliz com a atitude dele. Ele colocou a vida dele em risco. Se morre e fica como herói, serve pra quê?”, questionou.

Para Almi, Cid Gomes cometeu um erro: “temos de respeitar a legislação. Tivemos o afastamento da presidente Dilma, prisão do Lula e, em nenhum momento, o Partido dos Trabalhadores promoveu quebra-quebra e destruição”.

O parlamentar acha que o senador Gomes deu um péssimo exemplo para a sociedade brasileira. “Temos que ir para o diálogo e isso daí não contribui com nada”.

Cid Gomes foi encaminhado para Fortaleza, passou por cirurgia e já deixou a UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

icon-onibus

Rua Dr. Napoleão Laureano,13 - Bairro Santo Antonio - Campo Grande/MS

fn.jornaldoonibus@hotmail.com - CEP: 79100-370