Quinta-feira, 09 de Julho de 2020

BRASIL
Segunda-feira, 25 de Maio de 2020, 08h:58

Superação

Inclusão Escolar e Social da Pessoa com Paralisia Cerebral

Um exemplo de como é a vida de indivíduos portadores de Paralisia Cerebral na sociedade.

Geraldo Duarte

Geraldo Duarte Cabreira Jr.

A paralisia cerebral é resultado de uma desordem cerebral que ocorre durante o desenvolvimento fetal ou, raramente por conta de uma lesão cerebral após o parto. Ela está presente no nascimento, embora possa não ser detectada por meses.

Na maioria das pessoas que tem paralisia cerebral seguir o próprio caminho é um sonho, e para Geraldo não foi diferente. A realização de um sonho e agora sorriso do rapaz de 28 anos, é a prova do tamanho da felicidade.

Nascido com paralisia cerebral, ele deixou Bela Vista, que fica a 324 quilômetros da capital, para viver em Campo Grande, morar sozinho. Mas o diagnóstico só veio quando ele estava com 9 meses de vida. “Meu pai trabalhava na fazenda e eu ficava em casa com minha mãe. Ela percebeu que em determinado horário do dia eu jogava muito a minha cabeça para trás, suponho que era dor, mas ela não sabia o que era”.

Quando os médicos confirmaram a paralisia, iniciou a jornada dos pais por tratamento e assistência ao filho, para que tivesse uma vida normal. “Uma rotina com fisioterapia, fonoaudiólogo e equiterapia. Fiz tudo isso até chegar em Campo Grande”.

Em casa, Geraldo viu todos os indícios de que Jornalismo era a escolha certa para seguir seu caminho. “Desde pequeno, aos 6 anos, eu assistia jornal. E durante as brincadeiras eu fazia teatro e sempre queria ser o jornalista. Percebi que tenho o dom para comunicar”. Apesar de tudo, Geraldo fez um ano de Recursos Humanos, não se adaptou e decidiu pelo Jornalismo. Na época, em 2015, o irmão também morava em Campo Grande.

Jucélia Linhares, professora da UFMS: “Conheci em 2018, Geraldo Júnior numa Mesa Redonda na UCDB. Logo, no início de sua fala, achei muito interessante a forma como ele se colocava. Para ele, a deficiência não é nenhum fator limitativo, mas um grande desafio de vida. Com muita naturalidade e com vários detalhes, fala de suas dificuldades, vitórias e empecilhos. Diante de toda essa bagagem, convidei-o para participar como convidado em algumas aulas da disciplina de Educação Especial. Sempre que participa, mantém-se muito disponível. No decorrer das mesmas, demonstra muito interesse em auxiliar e orientar seus semelhantes. É um exemplo de superação e sucesso pleno. A cada fala do Geraldo, vejo nos olhos dos acadêmicos participantes, muita admiração, respeito e muito encantamento, que o ajudava na a se incluir acadêmico e socialmente.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

icon-onibus

Rua Dr. Napoleão Laureano,13 - Bairro Santo Antonio - Campo Grande/MS

fn.jornaldoonibus@hotmail.com - CEP: 79100-370