Feriado
11.10.2017 | 10h27 - Atualizado em 11.10.2017 | 12h45
Tamanho do texto A- A+

MS tem opções de lazer e turismo para todos os gostos neste feriado

Campo Grande (MS) – Feriado prolongado combina com viagens curtas em família e Mato Grosso do Sul tem todas as opções para curtir dias inesquecíveis à beira de rios, passeios para contemplação da natureza, aventuras por penhascos, cachoeiras e trilhas e vivência de fatos históricos do Brasil marcados por episódios militares e monumentos e fortificações.


Recentemente, a Fundação de Turismo do Estado (Fundtur) definiu o novo mapa turístico, que passa a contar com 47 dos 79 municípios, distribuídos em nove regiões. Dezessete municípios estão nas categorias A, B e C, ou seja: concentram o fluxo de turistas domésticos e internacionais. Como exemplo, Bonito, Campo Grande, Corumbá, Dourados e Ponta Porã.

Os demais 30 municípios figuram nas categorias D e E. Esses destinos não possuem fluxo de visitação nacional e internacional expressivo, no entanto alguns têm papel importante no fluxo turístico regional, como Coxim. Este paraíso das águas foi eleito pela 14º ano consecutivo o melhor destino de ecoturismo do Brasil, se destacando também em turismo de eventos.

Pesca, últimas semanas

Pantanal e Serra da Bodoquena são os principais atrativos do Estado, recebendo milhares de turistas nacionais e estrangeiros o ano todo. Contudo, um bom roteiro pode ser planejado nos 47 municípios do mapa turístico pela variedade de atividades, envolvendo natureza e programas urbanos, onde se inclui parques, praças, museus e centros gastronômicos.

Neste mês de outubro, cujos feriados dos dias 11 e 12 se intercalam com o ponto facultativo de sexta-feira e o fim de semana, são cinco dias para desfrutar das belezas naturais e um leque de opções para todos os gostos. A pesca esportiva é um atrativo a mais com a aproximação do período de piracema, quando a prática é proibida de 5 de novembro a 28 de fevereiro.

As bacias dos rios Paraguai e Paraná atraem pescadores de todo o País pela sua piscosidade, mas as águas do Pantanal concentram maior número de turistas em busca de emoções ao fisgar um dourado, pintado ou pacu. Corumbá, Porto Murtinho, Aquidauana, Miranda e região de Coxim são os principais polos da pesca esportiva e contam com excelente estrutura.

Safari na estrada ecológica

Estas cidades oferecem ainda outras alternativas, como o ecoturismo e passeios por centros históricos. A Estrada Parque do Pantanal (acessos pelas MS-184 e MS-228), em Corumbá, tem hotéis, pousadas e pesqueiros com pacotes que incluem pesca (embarcada ou de barranco), passeios de barco e canoas, safári, focagem noturna, cavalgada e observação de pássaros.

A Estrada Parque, com 120 km de extensão de estrada encascalhada e em boas condições de tráfego mantido pelo Estado, é uma imersão à rica biodiversidade do Pantanal. Distante 300 km de Campo Grande (entrada no entroncamento da BR-262 com a MS-184), conta com boa estrutura hoteleira no Passo do Lontra, comunidade situada às margens do Rio Miranda.

Saindo da Capital pela BR-262, rumo a Oeste, o turistas tem outra Estrada Ecológica de beleza também incomparável, cruzando a morraria da Serra de Maracaju e os rios entre Palmeiras e Piraputanga, acesso para Aquidauana. Mais adiante, chega-se a cidade mais antiga do Estado, Miranda (fundada em 1778), destino de ecoturismo e pesca e rota para a Serra da Bodoquena.

Praias naturais e fronteira

A região do Vale do Aporé, com destaque para Cassilândia, desponta como ótima opção de lazer com suas cachoeiras, onde se pratica rapel e passeios de caiaque e boia-cross. Mais ao sul, a fronteira com o Paraguai, a partir de Dourados, é muito mais do que compras: tem áreas de camping, balneários e vestígios da Guerra do Paraguai e o museu da saga da erva-mate.

Os municípios da bacia do Paraná, de Paranaíba a Mundo Novo, investem forte no turismo contemplativo. Além da pesca do tucunaré, as rotas do Conesul, Costa Leste e Vale das Águas têm parques (Ilha Grande e Várzeas do Ivinhema) e lagos formados pelas hidrelétricas, onde se passeia de barco a vela e Jet-ski. Pousadas e balneários se instalaram nas praias naturais.

A Serra da Bodoquena desponta com um conjunto serrano de belíssimas paisagens e águas cristalinas, onde Bonito reina com sua forte marca de melhor destino de ecoturismo. A rota inclui cidades que foram palcos de acontecimentos históricos, como a Retirada da Laguna, mas os roteiros naturais são imperdíveis nas cachoeiras e grutas, as trilhas, flutuação e mergulho.

Camping e ufologia

A rota Norte também é Pantanal, com uma paisagem diferenciada pela formação geológica milenar. As rochas situadas em Sonora e Alcinópolis guardam pinturas rupestres muito visitadas. É uma região muito rica em atrativos aquáticos, como o Parque Salto do Sucuriu (Costa Rica) e as Sete Quedas (Rio Verde). Coxim, na beira do Taquari, é destino certo para a pesca.

Para quem vai passar o feriado em Campo Grande e região da Rota dos Ipês, sem gastar muito, a Fundtur elencou várias opções. Na Capital, o Parque das Nações Indígenas é um dos principais pontos de encontros de famílias e praticantes de esportes. Rio Negro, a 160 km, tem cachoeiras de até 100m de altura. Corguinho (100 km) é o centro dos fenômenos ufólogos.

Para quem é praticante do campismo, o Estado tem tudo a oferecer: são 11 áreas cadastradas, localizadas em Bodoquena, Bonito, Coxim, Guia Lopes da Laguna, Jardim e Nova Alvorada do Sul. O camping permite ao viajante desfrutar do contato com a natureza na experiência turística, conhecer a biodiversidade do destino e contemplar a beleza das paisagens.

Mais informações:

Site: FundturMS • Facebook: visitmsoficial
Twitter: @visitmsoficial • Instagram: @visitmsoficial

Foto:  Sílvio Andrade

Voltar 




Preencha o formulário clicando no botão abaixo e seja o primeiro a comentar esta matéria.
Comente está matéria

Sua Opinião

Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para Governador de MS?

André Puccinelli (PMDB)

Reinaldo Azambuja (PSDB)

Odilon de Oliveira (PDT)

  • votar
  • parcial
Copyright © 2012 Jornal do Ônibus - Todos os direitos reservados