26.04.2018 | 09h37 - Atualizado em 26.04.2018 | 09h38
Tamanho do texto A- A+

Economia reage com 1,5 mil novas empresas em Mato Grosso do Sul

Crescimento na abertura de filiais neste ano foi de 63,6%

Correio do Estado

Mesmo com crescimento de apenas 2% na abertura de novas empresas de janeiro a março deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado – foram 1.577 empreendimentos constituídos na Junta Comercial do Estado nos primeiros três meses deste ano, diante de 1.546 em igual período de 2017 –, Mato Grosso do Sul teve o melhor resultado na abertura de novos negócios no primeiro trimestre deste ano desde 2014. 

Boa parte desta recuperação se deve às filiais, que ganharam fôlego neste primeiro trimestre de 2018 e avançaram 63,6% em relação ao ano passado, passando de 228 para 373 constituições. Em abertura de empreendimentos, representa o melhor acumulado para o período da série acompanhada pela Jucems há 11 anos.

Quando considerado somente o mês de março, Mato Grosso do Sul teve 590 empresas constituídas, o que representa avanço de 8,8% sobre o mês anterior (542 em fevereiro). Os números mostram ainda que, sobre as filiais, foram 136 registros de abertura, ou incremento de 30,7% nas aberturas de empresas desta modalidade sobre o mês anterior, quando foram constituídas 80 filiais.

Quanto às extinções, no terceiro mês do ano, 276 empresas encerraram as atividades, aumento de 4,5% diante de fevereiro (264). No trimestre, houve recuo de 4,6% no número de fechamentos de empresas no Estado: 757 empresas fecharam as portas entre janeiro e março, enquanto no mesmo período de 2017 foram registradas 794 extinções.

Foto: Álvaro Rezende / Correio do Estado

.

 


Voltar 




Preencha o formulário clicando no botão abaixo e seja o primeiro a comentar esta matéria.
Comente está matéria

Confira também nesta seção:

Sua Opinião

Você é a favor do porte de armas para qualquer pessoa?

Sim

Não

  • votar
  • parcial
Copyright © 2012 Jornal do Ônibus - Todos os direitos reservados