14.05.2018 | 11h22 - Atualizado em 14.05.2018 | 11h26
Tamanho do texto A- A+

Musical ‘Crianceiras Mario Quintana’ estreia dia 19 de maio no Glauce Rocha

Após musicar poesias de Manoel de Barros, Marcio de Camillo traz para o universo infantil as poesias de Mario Quintana

Lucas Arruda

Inspirado no livro “Canções”, o espetáculo “Crianceiras Mario Quintana” estreia no dia 19 de maio, às 17 horas, em Campo Grande, após prestigiadatemporada em São Paulo. A apresentação será no Teatro Glauce Rocha, a entrada custa R$ 60 e pode ser adquirida na livraria Le Parole e na Hering Kids e online.

.

 

Em 2011 o cantor e compositor Márcio de Camillo musicou os poemas de Manoel de Barros, levando a literatura e poesia de Maneco para o universo infantil com sutileza e delicadeza. O espetáculo foi sucesso de público e circulou o país, encantando quem assistiu.

Após o excelente trabalho com “Crianceiras Manoel de Barros”, ele resolveu celebrar outro grande mestre da literatura brasileira com “Crianceiras Mario Quintana”, e o sucesso não foi diferente. A peça ficou em cartaz por um mês e meio na capital paulista e cativou tanto o público, quanto à crítica. Foram 20 apresentações com temporada esgotada.

No novo espetáculo ele também mistura teatro e música de forma delicada. O show traz Márcio na voz, violão e viola caipira; NathCalan, na percussão e bateria; Tiago Sormani, no teclado, sanfona, flauta e clarinete; Denise Ferrari, no violoncelo; além de dois atores contrarregras. Todos cantam e formam coros que acompanham os diversos ritmos (valsa, forró, jazz, rock, entre outros) que compõem o espetáculo.

O trabalho da equipe técnica também impressiona. Dirigido por Luiz André Cherubini, do grupo Sobrevento, o espetáculo vale-se, desta vez, de um cruzamento com o Teatro de Brinquedo ou Teatro de Papel, onde figuras bidimensionais de papelão formam o cenário desenhado pelo renomado designer e artista gráfico Carlo Giovani.

Na montagem o intérprete vê sua casa e sua cidadezinha serem invadidas por enormes edifícios até a chegada de outros três músicos que trazem consigo a primavera.

Com figurinos de Sandra Vargas, que também é do grupo Sobrevento, a história começa com um homem de terno cinza. O cenário vazio, aos poucos, ganha elementos também acinzentados, revelando uma pequena casa em uma cidadezinha do interior, que vai sendo transformada pela urbanização e pelo surgimento de edifícios.

Pessoas com diferentes estilos, em trajes coloridos, vão revelando ao cantor a diversidade da vida, de sons, de cores e de gostos e vão trazendo a festa, a celebração da multiplicidade e a própria primavera – com suas cores vibrantes, sua alegria e sua esperança. O público, sobretudo as crianças, é convidado a participar dessa festa para descobrir por meio do espetáculo que as paineiras hão de florir sobre os muros.

A iluminação do espetáculo é do premiado iluminador carioca Renato Machado, com operação de luz de Camila Jordão e Marcela Katzin. Completam a equipe Roberta Siviero na técnica de som; Paulo Higa, na contrarregragem; Agnaldo Silva, na cenotécnica e LuaraBolandini na assistência de direção. A produção do espetáculo em Campo Grande é feita pela Criatto produções e pela Marruá Arte e Cultura.

Serviço – Espetáculo:Crianceiras Mario Quintana

Data:19 de maio, às 17h – Teatro Glauce Rocha Ingressos na livraria Le Parole, rua Euclides da Cunha, 1126, no bairro Jardim dos Estados e na Hering Kids, 1º piso do shopping Campo Grande. Os ingressos também podem ser adquiridos online através do link: https://goo.gl/SpmPQa.

O Teatro Glauce Rocha fica dentro do campus da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Mais informações Whatsapp 981364680 ou pelo site http://www.crianceiras.com.br.


Voltar 




Preencha o formulário clicando no botão abaixo e seja o primeiro a comentar esta matéria.
Comente está matéria

Confira também nesta seção:

Sua Opinião

Você é a favor do porte de armas para qualquer pessoa?

Sim

Não

  • votar
  • parcial
Copyright © 2012 Jornal do Ônibus - Todos os direitos reservados