Medina
25.10.2017 | 18h07 - Atualizado em 25.10.2017 | 13h28
Tamanho do texto A- A+

Medina vence em Portugal e embala para decisão do título mundial no Havaí

Em uma final emocionante, o brasileiro Gabriel Medina venceu o australiano Julian Wilson e conquistou nesta quarta-feira a etapa de Portugal da WSL, o circuito mundial de surfe. Campeão também na França há duas semanas, Medina assume a vice-liderança do ranking e embala para a disputa do título mundial no último evento, que será realizado a partir do dia 8 de dezembro no Havaí.

Para ficar com o troféu da temporada, o brasileiro ainda depende de uma combinação de resultados. Se vencer a etapa do Havaí, ele terá que torcer para o atual líder, John John Florence, não passar das semifinais. Outras combinações são possíveis caso o havaiano perca antes.

"A vantagem ainda é do John John Florence, mas nada é impossível", disse Medina ao fim da bateria. Campeão mundial em 2014, ele superou um início de temporada irregular para, na reta final, crescer na disputa pelo título. Julian Wilson e Jordy Smith também chegam ao Havaí com chances de título.

Na final desta quarta-feira (25), Medina abriu vantagem com um tubo que rendeu nota 5,17. Quando faltavam cerca de 15 minutos para o término, o brasileiro completou um aéreo, pontuado em 5,67. Em um mar com condições difíceis, a vantagem deixou Julian Wilson, ainda sem uma boa nota, em situação difícil.

Mas o australiano reagiu e conseguiu a virada parcial ao completar um tubo. Precisando de 5,28 pontos, Medina conseguiu nova virada surfando as duas melhores ondas nos dois minutos finais: 6,93 e 6,33. Assim fechou a bateria com vitória por 13,26 a 10,94.

O título também significou uma revanche contra Julian Wilson, que havia vencido o brasileiros nas três últimas finais entre os dois: no Tahiti-2017, Havaí-2014 e Portugal-2012.

A quarta-feira já tinha começado com uma boa notícia para Medina: John John Florence perdeu para o americano Kalohe Andino nas quartas de final e deixou a disputa pelo título aberta. Ele seria campeão antecipado caso vencesse em Portugal.

Outro brasileiro a chegar ao dia final, Miguel Pupo perdeu nas quartas de final para Kanoa Igarashi por 12,50 a 8,44.

Fonte: FOLHAPRESS


Voltar 




Preencha o formulário clicando no botão abaixo e seja o primeiro a comentar esta matéria.
Comente está matéria

Sua Opinião

Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para Governador de MS?

André Puccinelli (PMDB)

Reinaldo Azambuja (PSDB)

Odilon de Oliveira (PDT)

  • votar
  • parcial
Copyright © 2012 Jornal do Ônibus - Todos os direitos reservados