08.11.2017 | 09h05 - Atualizado em 08.11.2017 | 09h06
Tamanho do texto A- A+

Centro Cultural oferece gratuitamente workshop de Técnicas para Criação Coletiva em Musical

O Centro Cultural José Octávio Guizzo unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), por meio  do Programa Educativo, abriu inscrições para o workshop gratuito de Técnicas para Criação Coletiva em Musical, direcionado a pessoas a partir de 16 anos e que já tenham alguma experiência artística, tendo como ministrante o ator e diretor Philipe Faria. O evento acontecerá de 21 a 23 de novembro, das 18h às 21h.

O workshop abordará técnicas contemporâneas de criação coletiva trabalhando “view points”, improvisação e escrita automática aplicada à pesquisa e desenvolvimento de uma ideia ou conceito. Serão empregadas técnicas de canto, teatro físico, interpretação para teatro musical e expressão corporal, utilizando-as para criar coletivamente musicais inéditos. Todo o material gerado a partir dos exercícios e encontros será documentado.

“Esse trabalho é direcionado para aqueles que já possuem alguma experiência em canto, dança ou interpretação e desejam ampliar seus conhecimentos na área dos musicais. O material criado será utilizado na pesquisa e desenvolvimento do musical “Epilepsia”, musical autoral, criado e dirigido por mim, com estreia para 2018”, explica o diretor Philipe Faria.

Philipe Faria é formado pela Escola de Teatro Martins Penna, no Rio de Janeiro, e mestre em Teatro Musical pela Central School of Speech and Drama, em Londres.  É ator, cantor, diretor, compositor e já teve trabalhos realizados no Canadá, Portugal e Reino Unido. No Rio de Janeiro participou de musicais e novelas. Em Campo Grande há três anos, escreveu e dirigiu espetáculos musicais como “A Fantástica Fábrica de Arroz Doce” e “Cidades Invisíveis”, participou como ator e diretor musical na “Ópera do Malandro”, com o grupo Fulano di Tal, “Subcutâneo” com a companhia Teatro Dois e já dirigiu e ensinou mais de 700 alunos em escolas de Campo Grande.

Os interessados deverão ter no mínimo 16 anos e alguma experiência em canto, dança ou interpretação devendo encaminhar e-mail para phill.faria@gmail.com contendo breve currículo, além de nome completo, RG e CPF após o preenchimento das vagas a lista dos inscritos será veiculada neste site. A oficina terá certificado e 20 vagas. O CCJOG fica localizado na rua 26 de Agosto, 453 Centro. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3317-1795.

André Messias – Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS)

Fotos: Divulgação

Voltar 




Preencha o formulário clicando no botão abaixo e seja o primeiro a comentar esta matéria.
Comente está matéria

Sua Opinião

Se as eleições fossem hoje, em quem você votaria para Governador de MS?

André Puccinelli (PMDB)

Reinaldo Azambuja (PSDB)

Odilon de Oliveira (PDT)

  • votar
  • parcial
Copyright © 2012 Jornal do Ônibus - Todos os direitos reservados