Terça-feira, 20 de Novembro de 2018

CULTURA
Quarta-feira, 24 de Outubro de 2018, 11h:55

Afro-Brasileiras

Biblioteca Isaias Paim realiza Sarau em homenagem às Expressões Afro-Brasileiras

Karina Lima

A Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaias Paim realiza no sábado (27.10), das 9h às 13h30, o Sarau Cultural em homenagem às Expressões Afro-Brasileiras, com entrada franca.

Denomina-se cultura afro-brasileira o conjunto de manifestações culturais do Brasil que sofreram algum grau de influência da cultura africana desde os tempos do Brasil Colônia até a atualidade. A cultura da África chegou ao Brasil, em sua maior parte, trazida pelos negros na época do tráfico transatlântico de escravos. Assim, este cruzamento foi resultado de um longo processo que propiciou uma riqueza cultural peculiar ao Brasil.

A programação contempla o debate sobre a educação para os estudos étnicos-raciais, com a professora pós-doutora Bartolina Ramalho, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems); pesquisa de campo/memórias do artista visual Galvão Pretto; Espetáculo Negreiro, com a Cia Rob Drown; Roda de Capoeira, com Capoeira Quilombo; palestra Corpo Negro e sua Ancestralidade e exposição do artista Glauber Nascimento; apresentação do Grupo Sampri e participação do Salão Pérola Negra, que fará demonstrações de penteados afro e maquiagens para pele negra.

O sarau cultural nasceu de um anseio de que a biblioteca não fosse apenas um lugar de leitura. As linguagens do conhecimento que devam possibilitar novas descobertas e fomentar a cultura de forma geral também é uma proposta a ser oferecida. O sarau foi pensado com o intuito de compartilhar experiências vividas em música, teatro, com artistas locais, valorizando e compartilhando com a comunidade. O objetivo de incentivar a leitura e as demais linguagens artísticas, a discussão e a formação do saber por todas as vias de produção de conhecimento. Toda ação feita aqui tem grande impacto social, e transformação para toda a comunidade.

Nesta quinta edição o Sarau irá contemplar e discutir a Cultura Afro-brasileira e sua rica contribuição na formação diversa no território nacional, pois a cultura afro-brasileira é parte constituinte da memória e da história brasileira e que os aspectos transbordam as margens que nos escapam muita das vezes. É preciso discutir a própria formação social, histórica, política, memória vida e ancestral.

O artista Negro Viajante – Nas Trilhas da Escravidão’. Pesquisa de Campo/ Memórias. Galvão Pretto

Mesa a Educação Para os Estudos Étnicos-raciais – Pós-Doutora Bartolina Ramalho – Uems

Espetáculo Negreiro – Cia Rob Drown

Roda de Capoeira – Capoeira Quilombo

Coffe Break

Palestra Corpo Negro e sua Ancestralidade / exposição – Glauber Nascimento

Grupo Sampri – Magally, Luciana e Renata

Participação Salão Pérola Negra

A entrada para o evento é franca. A Biblioteca Pública Estadual Isaias Paim fica no segundo andar do Memorial da Cultura e da Cidadania, na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559 Centro. Mais informações pelo telefone (67) 3316-9161.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

icon-onibus

Rua Dr. Napoleão Laureano,13 - Bairro Santo Antonio - Campo Grande/MS

fn.jornaldoonibus@hotmail.com - CEP: 79100-370