Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

DESTAQUE
Quarta-feira, 03 de Outubro de 2018, 11h:31

Parceria

Prefeitura se une a TRT e Procuradoria do Trabalho para instalar parquinhos em bairros carentes da Capital

As famílias da região do Bairro Vida Nova III, na região do grande Nova Lima, têm agora uma opção de lazer para as crianças. O prefeito Marquinhos Trad entregou nesta quarta-feira (3) o primeiro playground instalado na Capital, por meio de parceria da prefeitura, através da Secretaria Municipal de Governo (Segov), com a Procuradoria Regional do Trabalho da 24ª Região e o Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região. O projeto prevê 40 equipamentos que serão distribuídos nas regiões de maior vulnerabilidade social.

A iniciativa visa o estímulo ao espaço público de modo saudável e seguro, afastando crianças e adolescentes do trabalho infantil e da marginalização. Durante o ato de inauguração da nova área de lazer, Marquinhos reforçou a importância do poder público realizar ações de melhoria na qualidade de vida da população campo-grandense, com implantação de políticas de intervenção urbana de lazer.

“Essa parceria fortalece essas ações. É a união de forças de pessoas que querem o bem da nossa comunidade. Esses parquinhos serão instalados em 40 bairros da nossa cidade, a fim de oferecer condições para as famílias terem momentos de alegria e instantes de lazer de maneira saudável e segura. O próximo bairro a receber o playground será o Bom Retiro”, destacou o chefe do Executivo Municipal.

IMG_7010IMG_7107IMG_7026IMG_7168

De acordo com o prefeito, esse projeto em parceria com a Procuradoria e Tribunal Regional do Trabalho fortalece a premissa do Plano Diretor de Campo Grande da gestão participativa na adequação da política urbana da cidade em uma área pública destinada a cultura e lazer da comunidade do bairro Vida Nova III e bairros vizinhos, requalificando o espaço público com a ocupação desta área.

Em nome do TRT da 24ª Região, o juiz do Trabalho, Marcio Alexandre da Silva, explicou que a intenção é fazer com que as crianças e adolescentes ocupem o tempo livre quando estiverem fora da sala de aula, para brincar e interagir com a família.

“O brincar é sem dúvida uma das maneiras mais eficientes de combater o trabalho infantil. Porém, esse trabalho não se limita ao combate do trabalho infantil, mas reforça o engajamento da comunidade, que participa de todo o processo até a instalação do parquinho e passa a entender a valorização que esse equipamento público proporciona, inclusive para a região onde é instalado”, disse o magistrado.

O Procurador do Trabalho, Hiran Meneghelli, lembrou que foram várias as vezes que ele observou famílias vindas de bairros distantes até os parques centrais da cidade, a fim de garantir lazer às crianças, já que muitos bairros ainda não possuem espaços neste sentido.

“Quando meu filho tinha uns 4 anos, eu frequentava o Parque das Nações com ele para brincar e notava que as famílias chegavam com sacolas enormes e todo um preparo, já que vinham de muito longe e tinham que suprir as necessidades das crianças, a fim de garantir que elas tivessem acesso a um parquinho. Aí eu pensava: porque não podemos levar esses brinquedos para perto dessas famílias, para que elas tivessem mais tranquilidade para oferecer o lazer a seus filhos. Agora é realidade para as famílias dessa região, que até então não tinham qualquer opção para as crianças”, justificou Meneghelli.

A comerciante Lucimar Vieira, de 43 anos, fez coro às palavras do Procurador do Trabalho. Ela relatou que esta é a primeira vez que o poder público tem o olhar voltado para o lazer das crianças que vivem nas periferias.

“A gente não tinha nada aqui para levar as crianças. É a primeira vez que alguém faz alguma coisa neste sentido. Brincar também é importante. Estamos muito contentes com essa iniciativa e as crianças então, nem se fala. É muito bom saber que temos onde levar nossos filhos e netos sem ter que carregar uma ‘mudança’ de casa para chegar aos parques que ficam tão longe daqui”, celebrou a moradora do Vida Nova III.

Uma das lideranças do bairro, Eva Maria da Silva, disse que a administração municipal passou a olhar com mais cuidado para os bairros mais afastados. “Há décadas a gente só ouve reclamação dos espaços públicos virando casa de marginal ou lixão a céu aberto. Essa área aqui era um perigo, mas agora foi ocupada com algo importante, que trará nova esperança de dias melhores para as famílias não apenas do Vida Nova, mas dos bairros vizinhos”, declarou.

A inauguração do primeiro playground do projeto, em comemoração ao Dia das Crianças, cumpre o convênio firmado em julho de 2018 que estabelece a parceria entre a Prefeitura Municipal de Campo Grande, a Procuradoria Regional do Trabalho da 24ª Região e o Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região.

A Prefeitura, por meio de suas secretarias e autarquias, desenvolveu ações na área, a fim de proporcionar um espaço mais atrativo aos moradores, contando assim com a colaboração da Sectur, Sisep, Semadur, SAS, Sesdes, Agetec e Sesau.  Além da entrega do playground, o evento desta quarta-feira contou com programação cultural e plantio de árvores.

Todo o processo de implantação da obra contou com o envolvimento da comunidade. No local, foi instalado sistema de segurança com câmeras de monitoramento, entre outros serviços.

A solenidade desta manhã contou com a presença do presidente do TRT da 24ª Região, Desembargador João de Deus Gomes de Souza e de secretários e diretores das autarquias e órgãos públicos municipais.

 

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

icon-onibus

Rua Dr. Napoleão Laureano,13 - Bairro Santo Antonio - Campo Grande/MS

fn.jornaldoonibus@hotmail.com - CEP: 79100-370