Segunda-feira, 20 de Maio de 2019

POLÍCIA
Quarta-feira, 15 de Maio de 2019, 11h:24

Dourados

Antes de ser morta, mulher gravou vídeo falando sobre integrantes de facção

O corpo da mulher foi encontrado com sinais de espancamento em Dourados no último dia 10.

Folha de Dourados

Um vídeo que a reportagem da 94FM teve acesso na manhã desta quarta-feira (15) mostra a mulher que foi encontrada morta na manhã da última sexta-feira (10), por volta das 10h, no bairro Estrela Verá, aos fundos do Jóquei Clube, horas antes do crime, falando sobre integrantes da facção criminosa que ela fazia participava e, que, se pudesse, queria fazer parte da facção rival.

A vítima foi identificada como Rosimar Gomes de Souza da Cruz, de 27 anos, e seria moradora no Tocantins.

No vídeo (veja abaixo), ela cita os nomes de integrantes de uma facção que estão em Dourados e em Ponta Porã, inclusive, falando sobre armas que estariam com eles.

No final da filmagem, ela diz que quer largar a facção que fazia parte e passar a atuar no grupo rival.

Nesse dia, testemunhas relataram que viram a vítima saindo de uma casa na ‘favelinha’ por volta das 03h de hoje. Horário, que, provavelmente, foi morta, de acordo com a polícia.

Até o momento, duas mulheres, que estariam envolvidas no assassinato, foram presas. O crime teve apoio de outros membros da facção, mas que ainda não foram identificados, de acordo informações da polícia.

Ela foi encontrada com sinais de tortura e estava com uma corda enrolada no pescoço e com vários ferimentos de espancamento, inclusive, com o rosto desfigurado. Há a informação, ainda não confirmada, de que Rosimar estava namorando um homem de outra facção, por isso foi assassinada.

A mulher tinha um mandado de prisão expedido pelo estado do Tocantins. Conforme a polícia, ela seria ligada a uma facção criminosa e teria sido morta por um grupo rival.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

icon-onibus

Rua Dr. Napoleão Laureano,13 - Bairro Santo Antonio - Campo Grande/MS

fn.jornaldoonibus@hotmail.com - CEP: 79100-370