Procon Expresso facilita solução de conflitos de consumidores no Centro Integrado de Justiça

publicidade

A Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS), em parceria com o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, tem facilitado a vida da população com o funcionamento do Procon Expresso no Centro Integrado de Justiça (Cijus).

O ponto de atendimento foi inaugurado neste ano e tem prestado um serviço importante para a população, facilitando a resolução de conflitos de consumidores, ampliando o atendimento e oportunizando a tentativa da solução conciliatória antes do processo judicial.

O superintendente do Procon/MS, Rodrigo Bezerra Vaz, e a coordenadora de Atendimento, Orientação e Fiscalização, Patrícia Mara Da Silva, se reuniram com a diretora do Foro dos Juizados Especiais, juíza Elisabeth Rosa Baisch, para dialogar sobre o atendimento realizado pelo Procon Expresso no Centro Integrado de Justiça, destacando a importância das soluções pré-processuais. “O Procon Expresso ajuda na democratização do acesso à população. Com a unidade dentro do Cijus, o consumidor terá maior agilidade na resolução dos seus problemas”, destacou Rodrigo Vaz.

A magistrada ressaltou o empenho do Conselho de Supervisão dos Juizados Especiais para criar soluções ágeis, simplificadas e eficazes: tudo para que a população receba da justiça o melhor em prestação jurisdicional.

Leia Também:  Neto do bicheiro Turcão é preso pela Polícia Civil no Centro do Rio

No Procon Expresso o consumidor poderá realizar a sua reclamação, em seguida será aberto um processo administrativo, será agendada a audiência de conciliação e também será feita abertura de Carta de Informações Preliminares (CIP). Caso não tenha uma solução da questão, o consumidor poderá ajuizar a questão sem precisar se deslocar para outro órgão público.

O atendimento do Procon Expresso está disponível de segunda a sexta-feira, das 12 às 18 horas, no piso térreo do Centro Integrado de Justiça (Cijus), localizado na Rua Sete de Setembro, 174, Centro de Campo Grande. O acesso ao interior do Cijus é feito pela entrada da Av. Calógeras.

Airton Raes, Procon/MS
Foto: Divulgação/TJMS

Fonte: Governo MS

COMENTE ABAIXO:

Compartilhe essa Notícia

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade